O balanço

A quatro aulas do fim do curso de bahasa indonésio, o balanço.

 

Foi um regresso aos tempos do gu-gu-dá-dá e gostei. Simples, previsível, perfeito para quem não gosta de coisas complicadas e tem pressa de aprender.

 

Disseram-me que há 2000 palavras com origem no português mas encontrei bem menos que isso, o que me deixou um tudo-nada desapontada, afinal, tanto trabalho a colonizar umas ilhas no pacífico para isto?! (estou, claramente e descaradamente a brincar, ok?!)

 

Ora tomem nota daherança da língua portuguesa no indonésio:

 

Nama = nome

Sepatu = sapato

Guru = mestre

Mau = querer

Gula = açúcar

Di luar = lá fora (ao luar, que bonito!)

Kios = quiosque

Sekola = escola

Nomor = número

Gereja = igreja

Sabun = sabão

 

Depois vem a influência do inglês, bem mais presente diria eu:

 

Beer = cerveja

Kelas = classe

Buku = livro

Homestay = hotel

Komputer = computador

Bos = chefe, patrão (a minha palavra preferida)

Es teh = chá gelado

 

Ah! e ontem descobri que na Indonésia também há uma forma para dizer "Ita boot", como no tétum. 

Orang besar, pessoa grande.

Depois também se diz "anak kecil", criança pequena.

 

E é isto, meus amigos.

Passou-se bem, com o melhor professor de línguas que já tive (gente boa o nosso Guru!), garagalhadas entre amigos e a sensação boa de que se veio para ficar nesta Ásia que me aquece o coração.

 

Bagus sekali!!

 

Reporter Timor às 02:22 | link do post | comentar | Adicionar aos favoritos